CRESPOS, CACHEADOS E COLORIDOS, SIM!

junho 02, 2017
Prêtxs vocês sabiam que em pleno 2017 ainda há pessoas que pensam “não dá pra colorir cabelo crespo/cacheado”? Pois é, muita gente acredita que nosso cabelo está fadado a ser sempre do mesmo jeito. E isso não é verdade!! Podemos mudar se quisermos sim!
                                (Fotos: Karol Conka - Monica Imbuzeiro/Agência O Globo ) 
É claro que para qualquer mudança de cor em qualquer cabelo, é necessário dobrar os cuidados e em cabelos como os nossos esse cuidado tem que ser ainda maior. Hidratar e nutrir bastante e dependendo do caso, super vale apostar no cronograma capilar (hidratar – nutrir - reconstruir). Aí vocês me perguntam, “mas Lyd e se precisar descolorir, corro o risco de perder definição dos cachos?”. Eu respondo que sim, mas também é possível evitar!
Usando meu cabelo como exemplo. Há pouco mais de 1 ano eu estava com ombré hair em tom caramelo. Seis meses depois decidi fazer mechas cinza e agora estou com mechas azuis. Meu cabelo perdeu a textura? NÃO! Mas para isso, além dos cuidados em casa, procurei um profissional habilitado em cabelos crespos e o resultado foi sucesso.

(Fotos: arquivo pessoal @pretacrespa ) 
Outro exemplo de crespa que mudou bastante a cor dos fios e não perdeu definição, é a MAHravilhosa Maraisa Fiidelis (@blzinterior). Podemos dizer que essa moça é praticamente uma camaleoa. De tempo em tempo ela aparece com uma cor diferente e com fios lindos, tratados e definidos mesmo o cabelo dela sendo tipo 4 (que é mais frágil). A Maraisa trata seu cabelo com um profissional que é referência em cuidados com cabelos crespo/cacheados (WES – Wilson Eliodoro Studio) e isso garante um ótimo resultado, mesmo com tantas mudanças.
                                 
                                                           (Fotos: Instagram Maraisa Fidelis @blzinterior ) 
Agora falando sobre a frequência desses tratamentos, vale lembrar que depende muito da estrutura do fio. Se estiver muito maltratado, vai precisar recuperar antes e depois da descoloração/coloração, ou seja, os cuidados não param nunca e os intervalos entre cada mudança, terá que ser maior. Pra ajudar nisso, a indústria cosmética já lançou produtos que protegem o cabelo antes dos processos, assim como outros específicos para tratar a fibra capilar após cada tratamento desses.
Então, não há mais motivos para não ter aquela cor de cabelo que tu sempre sonhou né? Te joga e depois volta aqui pra contar como ficou.

Beijokas da Prêta! @pretacrespa
 


Nenhum comentário:

Tecnologia do Blogger.